Ana Genezini debate em reunião do Parlamento questão de iluminação pública

Preocupada com a nova regra imposta pela Resolução 414/10 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a vereadora Ana Genezini (PTB), debateu sobre o tema durante a reunião mensal do Parlamento Metropolitano, que aconteceu na Câmara de Itatiba, na última sexta-feira, dia 27.

O encontro teve como tema principal, as novas regras de iluminação pública municipal, que à partir de 1º de fevereiro de 2014, caberá às prefeituras, a tarefa de elaborar projetos, implantar, expandir, operar e manter as instalações de iluminação pública, tarefas hoje desempenhadas pela Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), concessionária de energia.

Conforme explicou a vereadora, o tema se tornou uma preocupação para os gestores municipais, especialmente em relação às condições financeiras do município, que passa a arcar com o serviço.

Ana Genezini teve a atenção do Gerente de Negócios da CPFL, José Nannini Neto e sua equipe, que participou da reunião. Segundo os representantes da CPFL, uma das alternativas a ser estudada é a forma como será feita a cobrança da taxa de iluminação, caso as prefeituras prefiram, a cobrança continuará a ser feita pela concessionária de energia, que ficará responsável pela transferência de arrecadação aos cofres municipais.

A vereadora disse ainda, que os municípios precisarão preparar estrutura para assumir os serviços. “Sabemos que a CPFL está trabalhando de forma a atenuar ao máximo as dificuldades desta transferência para os municípios. Agradecemos aos seus representantes que se colocaram à nossa disposição”,  elogiou Ana Genezini.


O que nos preocupa é que a transferência da obrigação de manutenção da rede, inclusos lâmpadas, braços e reatores, vai custar mais caro para a Prefeitura. Nós precisamos discutir mais a política de iluminação pública e buscar alternativas para que o Executivo possa minimizar o efeito desta obrigação imposta pela Aneel,  principalmente, para que os vinhedenses não sofram as consequências e sejam prejudicados, seja no valor pago pelo serviço ou na qualidade do serviço prestado”, disse.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conselho de Usuários da TIM Região Sudeste

Ana Genezini pede flexibilização para abertura do comércio e apoio para famílias carentes

Ana Genezini sugere instalação de bebedouros em diferentes pontos da cidade