Prefeitura planeja implantação de tarifa social de água e esgoto, proposta de Ana Genezini

Recentemente a Prefeitura de Vinhedo anunciou que já está estudando a viabilidade de implantação da tarifa social de água e esgoto. A medida, que é um benefício voltado à população de baixa renda, atende à proposta da vereadora Ana Genezini (PMDB), apresentada nessa legislatura por meio da indicação nº 167/2017, mas debatida pela parlamentar desde o ano de 2009.
A indicação propõe ao Executivo o envio à Câmara de projeto de Lei para alteração da Lei Municipal nº 2826 de 2005, que trata das atribuições e competências da Sanebavi, a fim de instituir em Vinhedo a tarifa social de água e esgoto.
Com o objetivo de implantar esse benefício no município, o prefeito Jaime Cruz se reuniu nos últimos dias com o diretor técnico da Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (ARES-PCJ), Carlos Roberto Gravina, e com o superintendente da Sanebavi, Danilo Ferraz, para discutir a viabilização da concessão do benefício à população de baixa renda do município.
A tarifa social é uma redução para usuários residenciais, que deverá representar uma economia no valor das contas de água e esgoto. O estudo para sua implantação ainda está em fase inicial e o formato da tarifa social, com percentuais de desconto e quais faixas populacionais serão atendidas, somente será divulgado após a conclusão do levantamento.

Ainda em outros mandatos encaminhei minuta de projeto à Prefeitura para implantação da tarifa social de água e esgoto, e acredito que para tudo há um momento. Tenho certeza que essa tarifa irá beneficiar inúmeras famílias, não à toa luto por isso há anos. Precisamos disso, reunir esforços para trabalhar pelo ser humano”, explicou Ana Genezini durante pronunciamento na 3ª Sessão Ordinária. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conselho de Usuários da TIM Região Sudeste

De autoria da Vereadora Ana Genezini projeto nominando o "Centro de Exposições e Galeria de Artes Edilson Caldeira" foi aprovado por unanimidade

Ana Genezini pede flexibilização para abertura do comércio e apoio para famílias carentes