Moção de Ana Genezini sugere emenda a projeto do Senado sobre utilização de dinheiro recuperado da corrupção

Projeto de autoria do senador Cristovam Buarque propõe que dinheiro recuperado de casos de corrupção seja aplicado ao Fundo Social
A Câmara aprovou por unanimidade nessa segunda-feira, 27, pela 39ª Sessão Ordinária, a Moção de Apelo nº 289/2017, de autoria da vice-presidente da Casa, vereadora Ana Genezini (PMDB), e destinada ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), propondo a criação de emenda ao projeto de Lei do Senado nº 291/2014, de autoria do senador Cristovam Buarque (PPS) e que tramita na Câmara dos Deputados sob o nº 7.614/2017, que trata do repasse dos recursos públicos recuperados de desvios por corrupção ao Fundo Social, criado pela Lei 12.351/2010.
O Fundo Social foi criado para recebimento de recursos oriundos do pré-sal, e prevê que seus recursos sejam destinados nas áreas da educação, saúde, cultura, esporte, meio ambiente, mitigação e adaptação às mudanças climáticas e à ciência e tecnologia, conforme prevê ao art. 47. da Lei.
O projeto de Cristovam Buarque, por sua vez, pede que o dinheiro recuperado de desvios de corrupção também seja encaminhado ao Fundo e propõe que 50% do valor que constitui o Fundo Social seja aplicado exclusivamente à educação e o restante para destinação conforme já previsto na lei do Fundo, ponto no qual Ana Genezini sugere mudanças.
A vereadora vinhedense propõe que dos 50% do saldo restante do Fundo 25% seja destinado a saúde e os demais 25% sendo dividido entre as demais áreas previstas pelo art. 47 da Lei 12.351/2010. A proposta visa aumentar o repasse para os setores essenciais, que são a saúde e a educação.
Com essa proposta marcaremos nosso posicionamento junto à Câmara dos Deputados, de que queremos que o dinheiro recuperado da corrupção seja investido em áreas específicas como saúde e educação e que atendam as necessidades da população”, afirmou Ana Genezini durante a 39ª Sessão.


A parlamentar vinhedense ainda pediu ao presidente da Câmara, vereador Nil Ramos (PSDB), que a proposta seja apresentada ao Parlamento Metropolitano da RMC, a fim de que as Camaras Municipais da região também encaminhem a proposta à Câmara dos Deputados para alteração do PLS nº 291/2014 (nº 7.614/2017), visando marcar posicionamento dos Legislativos da Região Metropolitana de Campinas nesta questão. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conselho de Usuários da TIM Região Sudeste

Ana Genezini pede flexibilização para abertura do comércio e apoio para famílias carentes

Ana Genezini sugere instalação de bebedouros em diferentes pontos da cidade