Ana Genezini comenta alterações no projeto para nova concessão do serviço de transporte público


Vereadora é autora de duas subemendas ao projeto
A adequada elaboração de um projeto de Lei autorizando a Prefeitura a contratar nova empresa concessionária do transporte público coletivo tem preenchido a pauta dos vereadores. Nessa segunda-feira, 12, pela 77ª Sessão Ordinária, a vereadora Ana Genezini (MDB), vice-presidente da Câmara, comentou sobre algumas das alterações propostas pelos parlamentares ao PL nº 53/2018, encaminhado pela Prefeitura e retirado da pauta da Ordem do Dia por duas vezes para melhor elaboração de emendas e subemendas.
Graças a Deus esse tema tem chamado os 13 vereadores ao diálogo. O PL nº 53 foi a única matéria que conseguiu juntar os 13 vereadores após quase dois anos de Legislatura. Nessa busca de consenso apresentamos uma série de emendas e submendas, sendo duas de minha autoria, visando o bem maior de nossa população. Essas emendas, assim como o PL nº 53, serão votados já na semana que vem, e vários aspectos ficaram claros. As emendas impõem várias exigências à empresa que for contratada, como a concessão de dois micro-ônibus adaptados para atender às nossas entidades assistenciais, e a implantação de micro-ônibus no interior da região da Capela, facilitando o tráfego no local, respeitando os horários das paradas e causando menos danos no asfalto da região”, enfatizou.
Ana Genezini é autora das subemendas aditiva nº 2 e modificativa nº 1 à emenda aditiva nº 1 ao projeto de Lei nº 53/2018.
A subemenda aditiva nº 2 propõe a garantia a implantação, no bairro da Capela de sistema de baldeação que deverá ser efetuado com o transporte dos usuários em micro-ônibus, sendo que, subdividido o bairro em duas regiões, os veículos menores percorrerão os bairros com destino ao terminal rodoviário de onde partirão os ônibus de 40/44 lugares da Capela/Centro/bairros/Campinas visando agilizar o percurso, a economicidade de tempo, a conservação da pavimentação asfáltica das ruas e o atendimento a bairros que atualmente não são servidos pela circulação do transporte em suas ruas. Esse tema já foi tratado pela vereadora junto à Secretaria de Transportes nas legislaturas passadas, porém até o momento não foi implantado.
Já a subemenda modificativa nº 1 sugere, a título de contra partida, que a empresa concessionária oferte à municipalidade, através de concessão de uso, dois micro-ônibus adaptados para atendimento às entidades assistenciais que desse tipo de transporte necessitem. Além disso, a empresa concessionária deverá assegurar que as linhas atendam a demanda de todos os bairros.
Ambas subemendas foram subscritas pelos outros 12 vereadores.
Conselho Municipal de Transportes
Ainda entrou na pauta do expediente da 77ª Sessão Ordinária a indicação nº 570/2018, também de autoria da Ana Genezini que sugere a Executivo a Criação do Conselho Municipal de Transportes.
O Conselho seria responsável por propor e fiscalizar a política municipal de transporte, visando sua integração com as necessidades reais da comunidade vinhedense, e seria composto por oito membros titulares e respectivos suplentes, sendo quatro representantes do Poder Executivo e outros quatro de entidades da sociedade civil, legalmente constituídas no município.
A indicação contém uma minuta de projeto de Lei, para que seja reenviada pelo Prefeito, através de projeto de Lei, à Câmara, para consequente votação.
Nessa noite encaminhamos uma indicação à Prefeitura, de minha autoria, que propõe à criação do Conselho Municipal de Transporte Coletivo. O nosso município é bem desenvolvido na questão de conselhos, pois contamos com inúmeros. Creio que agora, quando estamos debatendo a nova concessão do transporte público, seja o momento do prefeito pensar junto à sua administração a viabilidade de encaminhar a essa Casa um projeto de Lei para criação desse Conselho”, explicou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conselho de Usuários da TIM Região Sudeste

Ana Genezini pede flexibilização para abertura do comércio e apoio para famílias carentes

Ana Genezini sugere instalação de bebedouros em diferentes pontos da cidade