Ana Genezini propõe ação coletiva contra desperdício de água


Sempre em contato direto com a população, a vereadora trouxe ao Plenário temas como transporte público, meio ambiente e saúde

Diante do racionamento de água que ocorre em Vinhedo, por conta da baixa nos reservatórios, a vereadora Ana Genezini do PTB, sugeriu ao prefeito Milton Serafim, aplicação da multa prevista em Lei para desperdício de água. A vereadora se mostrou preocupada com a situação e pediu a colaboração dos moradores, durante sua fala na Tribuna, durante a 43ª Sessão Ordinária, realizada  no último dia 10.

Nós pedimos uma reunião de trabalho com o prefeito e  fomos atendidos na manhã desta segunda-feira; um dos temas pautados foi a falta de água que se estende por todo o país. Quem assistiu ao Fantástico, exibido na noite de ontem [domingo],  pôde verificar em que situação alarmante estamos. A Represa Cantareira está 14 metros abaixo do nível normal. Enfim, nós sugerimos ao prefeito que reforce as campanhas educativas e informativas, para orientar a população; fazer com que a fiscalização do município se torne mais rígida”, revelou.

Ana Genezini relatou que na sexta-feira passada, estava na cidade de Jundiaí onde teve a oportunidade de conversar com algumas pessoas que residem na cidade. “Comentamos sobre esta questão alarmante de seca fora do comum. Os moradores expuseram uma informação relevante, que achei interessante trazer à imprensa da nossa cidade. É que  jornais de Jundiaí, estão fazendo um trabalho de fiscalização e auxílio ao Poder Executivo, fotografando as pessoas que estão lavando calçadas, carros, garagem, enfim, utilizando a água de forma que neste momento, nós poderíamos evitar de fazê-lo”.

De acordo com as informações recebidas pela vereadora, os registros do desperdício de água, além de serem publicados pela imprensa local,  são encaminhados para a Prefeitura, a fim de  conscientizar e até mesmo chocar  a população, para que os órgãos  competentes, possam então fazer o trabalho de multar a população.

 Santa Casa de Vinhedo

Outro tema abordado por Ana Genezini, é a situação da Santa Casa de Vinhedo. Ela relatou que solicitou ao prefeito, cópia de quatro processos do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, que trata do repasse público ao Terceiro Setor, envolvendo os recursos que foram enviados à Irmandade da Santa Casa de Vinhedo, nos anos de 2009, 2010, 2011 e 2012.

O Tribunal de Contas analisa os quatro processos e aguarda no período de  30 dias,  que a municipalidade e a Santa Casa,  apresentem os documentos faltantes e necessários para as prestações de contas destes respectivos anos.

Diversas vezes, inclusive na gestão passada, esta vereadora juntamente com demais vereadores, cobramos efetivamente as prestações de contas da Santa Casa. Porque nós sabíamos que não saía de forma a convencer e a comprovar os repasses de recursos que o município fazia e que estava sendo utilizado na Santa Casa de Vinhedo”, disse.

Ana Genezini completou; “Eu vou torcer muito para que tanto o município quanto a Santa Casa, que é a entidade beneficiária, possa reverter essa situação junto ao Tribunal de Contas e apresentar os documentos faltantes, caso contrário, todos os valores mencionados, que somam mais de 43 milhões de reais, terão de ser recolhidos pela entidade beneficiária”.

Para Ana Genezini, a cessão do contrato com a Santa Casa, foi palco de especulação e espetacularização, enquanto a questão era muito mais séria do que todos pensavam. “Eu gostaria que ficasse registrado, porque é uma questão que muito me preocupa; quem acompanha o trabalho desta Casa sabe que há tempos nós estamos preocupados com esta questão. Nós solicitamos que o prefeito levante estes processos e em uma próxima  reunião de trabalho, nos coloque a par de toda esta situação, que no meu entendimento, é extremamente preocupante”.

 Transporte Público

Com a entrega dos 93 apartamentos na região do Altos do Morumbi e Vida Nova,  a demanda na região por transporte público coletivo aumentou consideravelmente. Atenta a esta nova situação, a vereadora Ana Genezini pediu ao prefeito, estudos junto a concessionária do serviço na cidade,  a ampliação dos horários dos ônibus, uma vez que mais pessoas fazem  uso da única linha, a 404, cujo itinerário abrange a Capela até o Centro.

No quesito transporte, a vereadora também pediu a implantação de vagas de estacionamento específicas para vans escolares em frente ao Colégio Beneditino, na Av. dos Imigrantes. “As vagas especiais para embarque e desembarque dos alunos precisam estar demarcadas para proporcionar mais segurança às nossas crianças”, ressaltou.


À Sanebavi, Ana Genezini pediu esclarecimentos quanto a situação do Córrego da Capela, na Av. 1º de Maio, no Jd. Von Zuben. “Gostaria de saber se há algum despejo de esgoto diretamente no córrego, pois isto precisa de uma fiscalização efetiva da Sanebavi. Muitas reclamações estão sendo feitas pelos moradores da Avenida, que não suportam o forte odor exalado pelo córrego, principalmente neste período de verão”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conselho de Usuários da TIM Região Sudeste

Ana Genezini pede flexibilização para abertura do comércio e apoio para famílias carentes

Ana Genezini sugere instalação de bebedouros em diferentes pontos da cidade